Mobilidade

#eletromobilidade

Uma empresa cheia de energia

tempo de leitura miúdo

A ZF tem uma posição de destaque no setor da mobilidade: a companhia fornece uma linha diversificada de sistemas de acionamento elétrico para todos os tipos de veículo: de bicicletas a semirreboques.
Achim Neuwirth, Outubro 02, 2018
author_image
Achim Neuwirth escreve para a ZF desde 2011. Sua especialização é redigir textos sobre assuntos automobilísticos: dos veículos à tecnologia que se encontra por trás deles, passando por condução e trânsito.
Chega de ficar arfando e ofegando nas subidas e aparecer transpirado no trabalho – graças às pedelecs. Em 2017, praticamente uma de cada quatro bicicletas novas vendidas na Alemanha contava com o auxílio de um motor elétrico. Com a ZF, esse número logo aumentará. Recentemente, a empresa se tornou uma das três parceiras da recém-fundada Sachs Micro Mobility Solutions GmbH, uma joint venture que iniciou seus negócios com a produção de sistemas de acionamento e frenagem para pedelecs e bicicletas elétricas.

ELETRÔNICA PARA O TRANSPORTE INDIVIDUAL

Automóveis híbridos combinam um motor de combustão com um motor elétrico. O módulo híbrido utilizado na transmissão automática de oito marchas 8P da ZF é a solução ideal para implementar uma série de aplicações híbridas. A versão média fornece até 20 kW de potência elétrica adicional, o que é muito pouco para a condução puramente elétrica – por isso foi criada uma variante híbrida plug-in da 8P. Seu módulo elétrico tem um pico de saída de 90 kW e torque máximo de 250 Nm. Dependendo da bateria instalada a bordo, a tecnologia possibilita uma aceleração de até 120 km/h – sem emissões e com autonomia de 50 km. A transmissão de sete marchas com dupla embreagem foi projetada com foco na combustão. Sua sucessora de oito marchas, desenvolvida em parceria com a Porsche como variante híbrida com 100 kW de potência, é o oposto – um claro indício de que a mobilidade eletricamente assistida está se tornando o padrão. A versão sem módulo elétrico é baseada nessa solução.
A transmissão híbrida 8P combina motor de combustão com acionamento elétrico.
“A eletrificação do driveline está em franca evolução. Para isso, desenvolvemos e fornecemos componentes e sistemas completos para todos os tipos de veículo.”
— Jörg Grotendorst, head da Divisão de Eletromobilidade

ACIONAMENTOS ELÉTRICOS DE EIXOS DA ZF

A ZF também é especializada na eletrificação dos eixos dos carros de passeio. O sistema mSTARS (do inglês “modular Semi-Trailing Arm Rear Suspension”) é inclusive adequado para substituir eixos traseiros convencionais em plataformas de veículos existentes, além de estar preparado para o eVD (do inglês “electric Vehicle Drive”), o acionamento elétrico de eixo da ZF. Com uma potência de pico de 150 kW, esse módulo constitui a base para carros compactos totalmente elétricos. Combinado com um acionamento com motor de combustão interna no eixo dianteiro, esse sistema de tração elétrica do eixo transforma veículos em híbridos e versões 4x4. No veículo-conceito que a companhia apresentou recentemente equipado com um sistema eAMT (sigla em inglês de “electrified Automated Manual Transmission”), a solução compensa a perda momentânea de tração quando a transmissão automatizada muda de marcha, assegurando acionamento contínuo.
Acionamento elétrico integrado no sistema versátil de eixo traseiro mSTARS da ZF.

ELETROMOBILIDADE (QUASE) SEM LIMITES

O sistema de tração central elétrico do eixo também é usado como acionamento único em micro-ônibus. A tecnologia traciona o e.GO Mover, um meio de transporte de passageiros e cargas projetado para a condução automatizada, que a e.GO Moove GmbH, uma joint venture entre a ZF e a e.GO Mobile AG, colocará na produção em série em 2019. Para ônibus maiores com piso baixo, a empresa fornece o eixo elétrico tipo pórtico, o AxTrax AVE (anteriormente denominado AVE 130), equipado com dois motores elétricos com, respectivamente, 125 kW de potência e torque de 485 Nm. Em ônibus articulados é possível instalar até duas unidades do AxTrax AVE. Essa tecnologia de acionamento já está operante em alguns veículos das frotas de transporte urbano público das cidades de Stuttgart, Mannheim e Bonn, na Alemanha.
Milhares de unidades do eixo elétrico tipo pórtico AxTrax AVE da ZF já estão em aplicação nas ruas e estradas.

ELETROMOBILIDADE PARA VEÍCULOS COMERCIAIS: A FAMÍLIA DO CETRAX E DA TRAXON

Com 300 kW de potência e torque de 4.400 Nm, o CeTrax é um sistema de tração central da ZF que viabiliza a condução totalmente elétrica em veículos comerciais pesados. Seu irmão menor, o CeTrax lite, possui um módulo de 150 kW e 380 Nm para vans e outros veículos utilitários com peso total de até 7,5 toneladas. O CeTrax mid é um pacote duplo com dois módulos de 150 kW para veículos comerciais médios de até 19 toneladas.
A TraXon, a transmissão automatizada da ZF para ônibus e caminhões pesados, também possibilita realizar a hibridização de veículos comerciais. Sua potência elétrica é suficiente para manobrar um caminhão de 40 toneladas no terminal de carga e descarga. Veículos industriais, como empilhadeiras, também podem ser tracionados com os acionamentos elétricos da marca na faixa de desempenho de 4,5 a 10 kW. Como a Innovation Forklift da ZF, que os engenheiros da empresa ensinaram a dirigir no modo elétrico e autônomo.
CeTrax – o sistema de tração central elétrico da ZF para veículos comerciais.

ELETROMOBILIDADE NO CAMPO

Em aplicações fora de estrada, os sistemas de tração eTRAC da ZF são a base para os conceitos totalmente elétricos e opções híbridas inconvencionais: o acionamento elétrico do eixo dianteiro eFAD (do inglês “electric Front Axle Drive”) assegura tração 4x4 sem torção e baixo consumo, enquanto o redutor elétrico da roda eTRAC-GPE 50 instalado no ZF Innovation Tractor possui um motor elétrico na roda direita e esquerda do eixo do implemento. A potência do acionamento elétrico chega a 80 kW quando o trator está dirigindo em terreno com lama e solo descompactado ou subindo e descendo trechos íngremes. Na maioria das vezes, esse sistema de gerenciamento da tração do implemento pode evitar a compra de um trator maior. Um arado eletrificado pela ZF proporciona vantagens semelhantes.